Como definir metas e objetivos alcançáveis e expandir o seu negócio

Você está em Home Blog
Pessoas decicindo como definir metas e objetivos (1)

24/11/2021

Segundo o famoso escritor e estrategista Anthony Robbins, “estabelecer metas é o primeiro passo para tornar o invisível em visível”.

De fato, é de extrema importância compreender o que você quer alcançar, ou seja, definir metas e objetivos, para que assim você possa traçar estratégias viáveis e chegar aos resultados desejados. 

É normal que muitos empreendedores se sintam perdidos na hora de elaborar um planejamento estratégico para alavancar um negócio. No entanto, se você não estabelecer previamente as suas metas e objetivos, certamente a sua estratégia não terá um direcionamento eficaz e trará frutos insatisfatórios. 

Neste texto, você vai encontrar tudo o que é preciso saber sobre definição de metas e objetivos e suas diferenças e como elaborar a melhor estratégia para o seu negócio. Além disso, também mostraremos como é possível mensurar a eficácia da sua estratégia. 

Confira o texto e saiba dicas valiosas para aplicar a partir de hoje na sua empresa!

Metas e objetivos: O que são e diferenças.

Metas e objetivos são termos que se parecem um pouco, mas são diferentes em alguns aspectos que são importantes para o processo de definição. 

As metas são objetivos estabelecidos de maneira quantificada e com um determinado prazo para realização. Ou seja, as metas são os meios pelos quais você chegará aos seus objetivos. 

Já os objetivos são as ações que você deseja realizar. Em outras palavras, um objetivo se trata do propósito final de uma ação, os resultados obtidos por meio do cumprimento das metas. 

Ainda confuso? Calma que nós vamos demonstrar como funciona na prática. 

Digamos que você é o proprietário de um Pet Shop e deseja aumentar seu faturamento. Estabelece-se o objetivo de crescimento da renda do Pet Shop até o final do mês. No entanto, quais metas serão definidas para que este objetivo seja alcançado? 

Após uma análise, percebe-se que o marketing do seu negócio não está sendo muito efetivo, então você define uma meta de aumentar o engajamento das redes sociais do Pet Shop em 50%.

 

Qual é a importância de definir metas e objetivos?

Agora que você compreende o que são metas e objetivos, vamos entender para quê servem e por que são tão importantes para a gestão de uma empresa.

De maneira simplória, a definição de metas e objetivos é uma iniciativa que mantém a motivação de uma equipe. Essa ação faz com que as pessoas se sintam estimuladas e desafiadas a buscar os melhores resultados, uma vez que estes estão claros e definidos, tal como os meios para alcançá-los. 

 

Saiba 5 formas de motivar sua equipe aqui. 

Além disso, as metas e objetivos são os insumos mais importantes dentro do Planejamento Estratégico do seu negócio. 

O Planejamento Estratégico estabelece objetivos, traça metas relevantes e desenvolve maneiras para mensurar o alcance do plano. O estudo também permite que o empreendedor tenha uma maior visibilidade dos cenários que influenciam o seu negócio, otimizando esforços e minimizando perdas. 

Um Planejamento Estratégico define:

  • Os pontos fortes e fracos de uma empresa;  
  • Quais são as ameaças presentes do empreendimento;
  • Quais objetivos e metas devem ser traçados;
  • Qual é o Propósito Organizacional (missão, visão e valores).

 

VEJA TAMBÉM:

Como evitar a falência do seu negócio.

Como melhorar a organização da sua empresa.

Como traçar a melhor estratégia para o meu negócio com as metas e objetivos?

O editor da Harvard Business Review, Kenneth R. Andrews (1980), define estratégia como “o padrão de decisão em uma empresa que determina e revela seus objetivos, propósitos ou metas, produz as principais políticas e planos para a obtenção dessas metas e define a escala de negócios em que a empresa deve se envolver”.

Em suma, a sobrevivência e o crescimento de uma empresa são mediados pela definição de uma estratégia personalizada para a realidade daquela organização. 

Por isso, separamos um compilado de 5 passos para traçar a melhor estratégia para o seu negócio.

  • Estabelecimento de objetivos

Antes de definirmos qual caminho seguir, precisamos saber onde queremos chegar. A função de um objetivo se pauta na ideia de saber o que você deseja que a sua empresa alcance, ao mesmo tempo que você deve saber onde você não quer que o seu negócio esteja. 

Dessa forma, você pode traçar os caminhos que são viáveis e aqueles que devem ser evitados. O objetivo é um fim e é a partir dele que você passa a definir os seus meios. 

  • Planejamento das metas

Estipular metas e definir um objetivo alcançável são os primeiros passos para construir uma estratégia de sucesso. Para a elaboração de um planejamento de metas, é necessário.

  • Conhecer bem o seu negócio (gastos, marketing, mercado e clientes);
  • Entender quais são os pontos de melhoria; 
  • Definir objetivos;
  • Não focar apenas resultados quantitativos (crescimento financeiro), mas também qualitativos (melhorias de atendimento ou serviço/produto).
  • Pensar em metas que possam ser aplicáveis na realidade da sua empresa.

  • Criação de indicadores

Para que você possa realizar a conferência de eficácia da sua execução estratégica, é preciso definir Indicadores-chave de performance (Key Performance Indicator KPI, em inglês).

Os Indicadores de performance servem para que seja possível compreender o que está funcionando em uma estratégia e o que necessita ser mudado. Dessa forma o gestor pode tomar decisões mais assertivas. 

Os indicadores ideais variam de acordo com a os objetivos e o contexto do negócio, porém um bom KPI deve ser facilmente mensurável e capaz de guiar uma ação positiva. 

 

Quais são os tipos de Indicadores de performance?

Os Indicadores-chave de performance (KPI’s) são classificados em 3 tipos de nível: Estratégico, Tático e Operacional. 

Confira abaixo uma lista de detalhamento dos 3 níveis de KPI’s.

  • Estratégico: Os indicadores estratégicos são pautados na análise do cenário interno da empresa e seus objetivos, além de incluir dados sobre concorrentes, mercado e economia. Por isso, estão diretamente relacionados ao Planejamento Estratégico e são acompanhados pela alta direção do empreendimento.

  • Tático: Os indicadores táticos servem para traçar planos de ação com base na análise de métricas da performance do plano estratégico. Estes indicadores possuem um nível maior de detalhamento e são acompanhados pelos gestores que respondem a alta direção da empresa.

  • Operacional: Os indicadores operacionais são obtidos na linha de frente da empresa, isto é, a partir dos processos operacionais. Normalmente são indicadores de curto prazo e costumam envolver colaboradores de todas as áreas da organização, medindo o desempenho destas. 

 

  • Execução da estratégia

Agora que você já definiu o que será feito e de que maneira a efetividade das ações será mensurada, chegou a hora de colocar a sua estratégia em prática

Tornar o seu planejamento estratégico realidade e finalmente colocá-lo em execução pode ser desafiador, portanto aqui estão algumas dicas para tirar a sua estratégia do papel:

  • Busque comprometimento da empresa e engaje os seus funcionários;
  • Saiba distribuir as tarefas e tenha uma boa gestão de equipe;
  • Tenha disciplina na execução, mas saiba contornar imprevistos;
  • Conheça bem todo o processo;
  • Saiba escutar os seus colaboradores;
  • Realize reuniões de análise da estratégia (RAE’s);
  • Reconheça os resultados atingidos.

  • Avaliação e revisão

Monitore todos os resultados provenientes da sua estratégia, sejam eles satisfatórios ou insatisfatórios. Este é o momento de voltar aos indicadores estabelecidos e conferir o desempenho deles. 

A partir da análise e comparação dos resultados você pode decidir se precisa tomar novas medidas, ou simplesmente revisar o seu planejamento estratégico e pensar em ações que o alinhe melhor com os objetivos da empresa. 

 

Como utilizar o método SMART na definição de metas e objetivos?

Definir metas e objetivos é relativamente fácil, a parte difícil é verificar a relevância delas e, além disso, compreender se é possível aplicá-las de fato.

O método SMART serve para simplificar esse processo de dúvida, estabelecendo características específicas que devem se enquadrar nas metas e objetivos para que elas sejam importantes, eficazes e realistas. 

As letras da sigla SMART significam:

  • S = Specific (Específico)
  • M = Measurable (Mensurável)
  • A = Achievable (Alcançável)
  • R = Relevant (Relevante)
  • T = Time bound (Temporal)

Confira a seguir, mais especificamente, o que cada uma dessas características quer dizer e como elas se aplicam na definição de metas e objetivos. 

  • Specific (Específico)

A definição de metas precisa ser específica, e os objetivos claros. Definir objetivos evasivos como “quero ter mais sucesso no meu negócio” é algo pouco específico e sem nenhum direcionamento de esforços.

Uma forma mais fácil de conseguir especificar as suas metas e objetivos é utilizar o método 5W2H, respondendo às perguntas:

  • What = O que será feito?
  • Why = Por que será feito?
  • Where = Onde será feito?
  • When = Quando será feito?
  • Who = Por quem será feito?
  • How = Como será feito?
  • How much = Quanto custará? 

Dessa forma, você pode tornar o seu objetivo mais tangível e aumentar a sua motivação para alcançá-lo. 

  • Measurable (Mensurável)

As metas são mais eficientes quando possuem um número atrelado a elas, assim você pode comparar resultados e conferir se suas ações estão sendo efetivas. 

Metas mensuráveis permitem que você verifique o seu progresso, corrija algo que não esteja dando certo e permaneça motivado na sua estratégia. 

  • Achievable (Alcançável)

Para que uma meta seja atingida, primeiramente, ela precisa ser atingível. Isto é, condizente com a realidade em que a sua empresa se encontra. 

Algumas metas podem exigir esforços que você não tem condições de ceder. Por isso, é muito importante averiguar se o seu objetivo é alcançável e se as suas metas são capazes de ser realizadas. 

  • Relevant (Relevante)

O sucesso só pode ser alcançado se as suas metas atuarem nas dores do seu empreendimento. 

Isso significa que, quando se está definindo uma meta, é preciso considerar que ela é realmente relevante para alavancar o seu negócio e conquistar um diferencial competitivo

  • Time bound (Temporal)

Não há outra forma de definir uma meta eficiente, se não estipulando prazos. Defina um prazo para bater a meta estipulada, do contrário sobra espaço para procrastinação e desmotivação da equipe.

Seja como for, a falta de definição de metas e objetivos implica diretamente nas falhas estratégicas de uma empresa. 

Lembre-se que, além de pensar nas metas e objetivos, você precisa qualificá-las dentro da realidade do seu negócio e averiguar se serão eficazes para o crescimento da empresa. Se as metas não forem assertivas, descarte-as e estude outras que se encaixem melhor. 

Está precisando de um Planejamento Estratégico para o seu negócio? Entre em contato com a Campe e solicite um diagnóstico gratuito!

Campe Consultoria Jr BANNERS ROCK CONVERT 2Prancheta 1

Por Campe Admin




Solicite um diagnóstico agora mesmo!

Soluções completas em consultoria para você e sua empresa.
Confira nossas soluções

Solicitar diagnóstico gratuito

Solicitar diagnóstico